Mudança

     Saiu a transferência, começamos a pesquisar sobre nossa nova cidade e, BUM, já tá na hora de se mudar. Sim, o tempo passa voando e, quando menos esperamos, já estamos colocando nossas coisas num caminhão e rumando para o novo lar. Fácil não é, mas podemos tomar certas medidas para transformar esse período de mudança menos estressante.
     Já falamos de aluguel (que é uma das coisas que nos dão muita dor de cabeça) e, agora, falaremos de um dos assuntos que mais nos preocupam: A MUDANÇA.
     Bom, quem já passou por isso sabe bem como é, muito embora cada experiência seja única e o que pode ter dado certo antes não necessariamente dará de novo. Mas, para quem nunca passou por isso, sem dúvidas é aterrorizante. O que você tem que ter em mente na primeira mudança é: já está com a casa montada ou tem móveis que com certeza vai levar? Se sim, continue a acompanhando as dicas que daremos aqui embaixo. Se não, deixe para montar a casa na própria cidade. Mesmo que você vá para um lugar remoto e com poucas opções, não compensa comprar tudo onde está para depois ter que se preocupar em como levar.

     Se você tem poucas coisas para levar, apenas roupas e objetos pequenos, por exemplo, ao invés de contratar um caminhão de mudança, estude a possibilidade de mandar caixas pelos correios (acredite, se forem poucas, compensa bastante) ou por empresas de ônibus (opção mais barata, mas depende da existência desse serviço na cidade). Mandar poucas coisas por transportadora só compensa se tiver um companheiro fazendo o mesmo trajeto e você aproveitar a mudança dele.
     Mesmo quem não está em sua primeira mudança muitas vezes prefere a opção acima para não ter que ficar se preocupando com empresas de transporte. E, para isso, monta a casa em uma cidade e, quando vai embora, vende todos os seus móveis. Isso é bastante comum no meio militar (principalmente em cidades de difícil acesso, uma vez que o transporte fica muito caro), exitem diversos grupos de compra e venda nas mais diversas cidades e, assim que saem as transferências, os negócios se iniciam.
     No entanto, muito não gostam de viver à base de "móveis descartáveis" e, uma vez que investiram em um determinado móvel, não querem se desfazer dele. Nesses casos não tem jeito, temos que procurar uma transportadora.
     Independente de qual for a sua opção, a dica universalmente válida é: procure não encher sua casa de móveis. Um dia podemos estar em um imóvel enorme e, logo em seguida, em um minúsculo onde não caberá tudo. Móveis pequenos e práticos também são uma boa escolha. Quanto menos móveis, menos trabalho na mudança ou na hora de vendê-los.
     Então, aqui vão as dicas para tentar evitar a dor de cabeça:

* Contratando a transportadora
     A primeira coisa que você tem que ter em mente é que muitas vezes não podemos prever o que irá acontecer, mas alguns cuidados sempre poderão garantir possíveis dores de cabeça futuras.
     O primeiro passo, antes mesmo de escolher a empresa, é ter uma ideia da data que você pretende mudar, algumas empresas trabalham com datas específicas por regiões do país, então pode ser que aquela empresa não possa te atender quando você quer por qualquer que seja o motivo. É justamente por isso que, quanto antes você começar a ver, melhor.
     Com a data (pelo menos período do mês) em mente, comece a pedir orçamentos. Não deixe de perguntar sobre o material de embalagem fornecido (caixas, papel micro-ondulado, plástico bolha, mantas etc.), sobre o serviço de desmontagem e montagem dos móveis, sobre o serviço de embalagem (se é você que deve embalar tudo ou a equipe, pois algumas empresas não se responsabilizam por objetos que não embalam), sobre o contrato (se não faz contrato, corre pra longe!), sobre o seguro (se não faz seguro, corre pra mais longe ainda!), sobre o depósito (se é próprio ou alugado e onde é, se estiver na mesma cidade, faça um visita ao local para verificar sua segurança e como seus pertences serão alocados), sobre se a empresa terceiriza (caminhão e montadores) ou não. Ou seja, pergunte sobre tudo que imaginar, seja o chato mesmo, melhor do que sofrer depois com coisas não ditas.
     Muito importante: sempre tenha o orçamento por escrito (bem como todas as demais informações), seja por e-mail, seja por um papel entregue quando da vistoria (prática bastante comum entre as empresas, na qual um funcionário ou representante vai até sua casa para vistoriar os móveis - ou inventariá-los - e dar um orçamento preciso). Dessa forma, você se resguarda e não fica a mercê de taxas não ditas, valores diferentes, serviços não inclusos etc.
     Antes de fechar com qualquer empresa, procure referências da mesma! Por mais que eventualidades possam acontecer mesmo com empresas renomadas, as chances da dor de cabeça são menores quando você tem alguém indicando. Pegue orçamento com, no mínimo, 5 transportadoras e, depois de estar com os valores em mãos e saber exatamente sobre os serviços de cada uma, busque saber mais sobre o passado da mesma.
     Desconfie imediatamente de preços muito abaixo da média (você vai perceber que a maioria dos orçamentos girará em torno de um valor), assim como empresas que mudaram de nome ao longos dos anos (para mim, quem muda nome de empresa é porque tava devendo alguma coisa com o nome antigo, não tem motivo para deixar para trás um nome de prestígio). Pesquise sobre o CNPJ da empresa (se ela realmente existe e está ativa, bem como se o endereço do cadastro bate com o fornecido), bem como no PROCON de origem da mesma e em sites de reclamação como o Reclame Aqui.
     Uma ótima opção de checar as referências da empresa é diretamente com clientes. Para isso, criamos um grupo no Facebook chamado Transportadoras e Cegonhas - Interesse Militar, no qual relatamos nossas experiências com transportadoras e cegonhas (transporte de carro), recomendando ou alarmando os demais sobre diversas empresas do ramo. Além disso, é também um espaço para procurar companheiros que estejam fazendo o mesmo trajeto para que possam dividir um caminhão e, com isso, reduzir consideravelmente os custos.
     Com orçamentos, recomendações e todas as dúvidas tiradas, é só escolher a empresa que melhor te agrade. Leia e analise bem o contrato, cláusula por cláusula, exija que todo o combinado esteja devidamente escrito, principalmente o seguro! Peça uma cópia da apólice e da autenticação do carro averbado no seguro com a linha autenticatória, se averbar no seguro e não tiver um documento com nome e CTE de transporte junto à averbação, o seguro deixa de valer. O valor que as empresas normalmente cobram a título de seguro é de 1% do valor declarado. Por mais que seja tentador colocar um valor baixo para pagar menos, lembre-se que se, infelizmente, ocorrer algum infortúnio, você só irá receber a quantia declarada.
     Empresa contratada, tente já pegar algumas caixas para ir embalando itens pessoais como roupas, roupas de cama, mesa e banho, enfim, coisas que não precisam ser embaladas pela equipe. Um ótima dica é forrar as caixas com um saco plástico e depois colocar seus pertences, assim você não corre o risco dos mesmos molharem caso algo inesperado aconteça. Numere e especifique o que tem dentro de cada caixa (se não quiser colocar direto no papelão, faça uma relação pessoal com tudo detalhado e coloque visível apenas o número e o ambiente a qual pertence), faça o inventário de todos os volumes, caixas e móveis (normalmente é feito pela empresa, mas fique de olho e tenha o seu paralelamente).
     JAMAIS pague o valor integral da mudança na assinatura do contrato. O mais seguro é pagar 50% do valor quando da entrega da mudança, depois da mesma ser recebida em perfeito estado. Leve toda a documentação da família consigo, além do risco de perda, há ainda o risco de atraso da mudança. Fardas de apresentação e de uso no quartel, bem como uniforme das crianças, também não devem ser levados no caminhão.
     É legal ter fotos do estado dos móveis e demais objetos, bem como de sua embalagem (até mesmo para comprovar embalagens violadas). Guarde toda a documentação relativa à mudança (contrato, seguro, e-mail, recibos e tudo o mais) e não deixe de registrar os mínimos detalhes.
     Por fim, tenta um meio de contato direto e fácil com o responsável pela sua mudança e note que: se no início do contrato a comunicação não for satisfatória, a tendência é piorar, então corra de quem não te atende bem logo no começo, quando a ideia é atrair o cliente.

* Transportando o carro
    Todas as dicas acima se aplicam à contratação de transporte de veículos! Mas existem algumas especificidades que devem ser ressaltadas. 
     A primeira é que não há seguro para carro transportado em caminhão de mudança, do tipo baú, apenas em tipo cegonha. Pesquise com as transportadoras de carros, nenhuma usa caminhão baú, então fique alerta caso alguma empresa queira levar seu carro junto com os móveis.
     A outra é que o seguro contrato, normalmente, NÃO abarca pertences que tenham sido colocados dentro do veículo. Muitas pessoas optam por encher o carro com utensílios e objetos pessoais, mas por sua conta em risco.
     No mais, fotografe todos os lacres das portas e o estado do carro, bem como a quilometragem do carro e o nível de gasolina, quando da entrega para a transportadora. Exija também que essas informações estejam no termo de vistoria anexo ao contrato.

* Preparando a mudança
     Então chega o dia da mudança e sua casa fica de pernas para o ar. Bom, há coisas que só podem ser feitas no dia mesmo, mas o que der para adiantar (como o empacotamento de caixas com artigos pessoais que a gente já falou), melhor fazer logo. Essa é a hora para fazer a limpa na casa e se desfazer de tudo que não for mais útil. Lembre-se sempre: quanto menos coisas você tiver, menos trabalho você terá na mudança. Com essa nossa vida cigana, viver com o essencial é a melhor opção.
     Compre sacos grandes para ir guardando as roupas que irão nas caixas. Uma boa opção também são os sacos a vácuo que, além de deixar as roupas mais protegidas e livre de ácaro, também diminuem o volume, ideal para roupas de frio, cama e banho. Em uso até o dia da mudança, apenas o estritamente necessário ou o que não será levado.
     Outra coisa que tem que ser observada é a compra de comida. Evite compras grandes próximo a data da mudança, compre apenas o essencial para a quantidade de dias restantes. E se você pretende levar mantimentos alimentícios para a nova cidade, certifique-se que a transportadora aceita isso, algumas não aceitam, principalmente se a mudança for ficar em depósito.
    Outro ponto que contribui para isso é que a geladeira dever ser desligada, no mínimo, 24 horas antes de ser embalada. Se estiver congelada, faça o degelo e lave com água e vinagre de álcool e a deixe completamente seca para o transporte, com as portas abertas. No dia da mudança questione se as prateleiras e peças internas serão retiradas (principalmente as que são um pouco móveis não devem permanecer dentro da geladeira). Ainda sobre a geladeira, exija que ela seja acondicionada verticalmente no caminhão, transportar geladeira deitada pode trazer danos ao aparelho.
     Desinstale todos os demais eletrodomésticos como máquinas de lavar e aparelhos de ar condicionado com antecedência. E vede completamente todos os líquidos que pretende levar. Além disso, deixe que os funcionários embalem peças frágeis (só assim eles se responsabilizam pelos menos, fiscalize a embalagem e peça para colocar aviso de frágil e do lado que a caixa deve ficar acondicionada).
     Planeje tudo que irá precisar fazer/pensar no dia da mudança, não deixe para lembrar no dia, pois você não irá lembrar no meio da confusão. Se tiver cachorros e/ou filhos pequenos, veja onde poderá deixá-los para que não atrapalhem e também não se incomodem com a confusão. Tenha em mente também onde irá fazer as refeições (não cogite comer qualquer coisa no meio de caixas) e, principalmente, onde irá ficar no dia da mudança (reserve o hotel ou fale com um amigo/parente com quem tenha intimidade) - se o embalamento e o carregamento no caminhão durarem mais de um dia, você até pode ficar acampado em casa e pedir para levarem camas só no dia de saída da mudança, mas não esqueça de arrumar um lugar para ficar quando a casa estiver vazia.
     Por fim, mas não menos importante, tenha em mente o tempo em que demorará a viagem e que esperarão a mudança chegar (sempre bom contar com um atraso) para separar roupas e arrumar as malas. Separe as coisas que não serão transportadas no caminhão com antecedência, para não correr o risco de embalarem e você ter que recomprar de última hora (também é bom ter em mente o tipo de vestimenta que precisarão assim que chegarem na nova cidade).


Esperamos que tenham gostado da postagem e que ela seja útil. E contamos com você também para deixar sua experiência e acrescentar qualquer dica que seja interessante para os que passarão por isso pela primeira vez.

15 comentários :

  1. Empresas ELOGIADAS pelos participantes do grupo Transportadoras e Cegonhas - Interesse Militar até então:

    - A Caipira (Rio de Janeiro - RJ)
    - Abrilar (Brasília - DF)
    - Aldenor Mudanças (Rio de Janeiro - RJ)
    - Aloísio Mudanças (Santo Ângelo - RS)
    - Bahia Sul Transportes (Salvador - BA)
    - Botafogo Transporte e Logística (Brasília - DF)
    - Confiança (Fortaleza - CE)
    - Detto (Alegrete - RS)
    - F. Silva Transportes (Manaus - AM)
    - Geolar (Porto Alegre - RS)
    - GM Mudanças (Porto Velho - RO)
    - Goiás Transportes (Belém - PA)
    - Helios Transportes (Brasília - DF)
    - JB Mudanças (Rio de Janeiro - RJ)
    - João Cegonha (Cuiabá - MT)
    - Marino Mudanças (Santa Maria - RS)
    - Metrocúbico (Duque de Caxias - RJ)
    - Metrovias (Porto Alegre - RS)
    - MLog (Porto Alegre - RS)
    - MM Mudanças (Rio de Janeiro - RJ)
    - Muda Brasil Mudanças (Fortaleza - CE)
    - Mudaki Mudanças (João Pessoa - PB)
    - Mudanças Cruz Alta (Cruz Alta - RS)
    - Mudanças Novo Tempo (Recife - PE)
    - Myster (Recife - PE)
    - Primieri (Caxias do Sul - RS)
    - PTM Mudanças (Caxias do Sul - RS)
    - Ricardo Mudanças (Sidrolândia - MS)
    - Roveda (Santa Maria - RS)
    - Sandra Ramos (Resende - RJ)
    - Serve Lar (Rio de Janeiro - RJ)
    - Soares Mudanças (Resende - RJ)
    - TransÁguia (Manaus - AM)
    - Trans Chico (Manaus - AM)
    - TransNatal (Natal - RN)
    - Trans Oriental (Porto Velho - RO)
    - Transpoly (Manaus - AM)
    - TransRoyal (Londrina - PR)
    - Verde Oliva (Porto Velho - RO)
    - Vip Transporte (Rio de Janeiro - RJ)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Transportei meu carro e moto pela TransRoyal de Boa Vista para Três Corações e não tive problemas

      Excluir
    2. Está de parabéns o site. Mas com o intuito de colaborar, sugiro que pudessem colocar uma tabela com esses nomes e com quantos elogios cada transportadora obteve dos seus clientes. Pois me deparei com várias de uma mesma cidade, e não sei qual delas é a melhor (pois poderá haver alguma que foi indicada como positiva por somente uma pessoa e outra indicada por várias outras pessoas). Forte abraço

      Excluir
  2. Mudança Triunfo MS, NÃO PRESTA perderam parte da minha mudança, empresa golpista.

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito do blog. Partilho este programa foi ao ar na TV BANDEIRANTES há quase 9 anos atrás. Ele é cada vez mais atual e o tempo urge! Veja se você concorda.
    https://www.youtube.com/watch?v=I4PQ0A4dRbM

    ResponderExcluir
  4. alguém que vai para Manaus final de 2017 que vá levar mudança? com aproveitamamento é sempre mais barato
    meu e mail é ged-98@hotmail.com
    vou para o CIGS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estou indo. Saindo de Salvador.
      lukerj2004@hotmail.com

      Excluir
  5. Alguém que possa postar um FO (negativo ou positivo) para a empresa Nortecom de Manaus ou indicar uma empresa para transporte de veículos para Manaus-AM.

    ResponderExcluir
  6. Alguém tem alguma informação negativa da F. Silva de Manaus e Myster de Recife e a Atual de Salvador?
    Estou indo para Manaus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. estou fazendo minha mudança com a f Silva
      Nanuque para Manaus em dezembro
      Não vi negativa

      Excluir
  7. Fizemos tres mudanças com a NCA de Campo Grande e nunca tivemos problemas.

    ResponderExcluir
  8. 🚨 ATENÇÃO! 🚨
    ⚠️ Empresas CONTRAINDICADAS 👎🏻 pelos participantes do grupo Transportadoras e Cegonhas - Interesse Militar ATÉ ENTÃO:
    - A Principal (Curitiba – PR)
    - A.R. Transportes (Curitiba – PR)
    - ABC Mudanças (São Bernardo do Campo – SP)
    - Agility (Resende – RJ)
    - AK Caracol Mudanças (Curitiba – PR)
    - Alagoana (Rio de Janeiro – RJ)
    - Aldenor Mudanças (Rio de Janeiro – RJ)
    - Aliança Mudanças (Belo Horizonte – MG)
    - Alpha Bravo (Rio de Janeiro – RJ)
    - Alvorada Gyn (Goiânia – GO)
    - Amanda Mudanças (Salvador – BA)
    - América Mudanças
    - Arco Íris (Brasília – DF)
    - Arco Sul (Francisco Beltrão – PR)
    - Ariel Transportes e Mudanças (Manaus – AM)
    - Balbilog Transportes (Manaus – AM)
    - Belgrano / VBM Transportes / Mitre Logística / AJL Transportes (Porto Alegre – RS)
    - Big Ben (Rio de Janeiro – RJ)
    - Brasília Mudanças e Transportes (Brasília – DF)
    - Casa Forte Mudanças/ Serta Mudanças / Popular Mudanças (São Paulo)
    - CHT Mudanças (Brasília – DF)
    - CR Holanda Transportes (Recife – PE)
    - De Ville Mudanças (Rio de Janeiro – RJ)
    - Déu das Mudanças (Rio de Janeiro – RJ)
    - Dois Irmãos (Brasília – DF)
    - Fabão Transporte (Rio de Janeiro – RJ)
    - Famolar (Campo Grande – MS)
    - Farias Lima (Dourados – MS)
    - Fast Mudanças (Brasília – DF)
    - Fath (São Bernardo do Campo – SP)
    - Fraga e Filhos (Porto Alegre – RS)
    - Francar Transportes
    - Freitas Transportes (Manaus – AM)
    - Gabardo/ Golden Mudanças (Porto Alegre – RS)
    - Gabriela (Belém – PA)
    - Geraldino Mudanças (Brasília – DF)
    - Giuliann Mudanças (Rio de Janeiro – RJ)
    - Grande Lar (Jaboatão dos Guararapes – PE)
    - Hiper Mudanças (São Paulo)
    - Hungria Transportes
    - JOÃO JURANDIR SORANZ ME CNPJ 07.750.033/0001-06: Fácil Mudanças / Pioneira Mudanças / Mudalar / Quality Mudanças / Mercosul Mudanças / Multimudanças / etc. (SP)
    - Lady Laura (Curitiba – PR)
    - Jorpam (Manaus – AM)
    - Leal Mudanças e Transportes (Taguatinga – DF)
    - Líder Brasil (Porto Alegre – RS)
    - Líder Mudanças
    - Luizinho Mudanças (Pelotas – RS)
    - Lynato (Cuiabá – MT)
    - Marciliel Transportes (Jardim – MS)
    - Marco Mudanças (Rio de Janeiro – RJ)
    - Mário Mudanças (Florianópolis – SC)
    - Master Mudanças (Belo Horizonte – MG)
    - Mel Mudanças (Rio de Janeiro – RJ)
    - Mendes (Curitiba – PR)
    - Minas Brasil (Montes Claro – MG)
    - Minas União (Sete Lagoas – MG)
    - Modelo Mudanças (Brasília – DF)
    - Mude Bem (Goiânia – GO)
    - Mudelar/ Grandelar (São Paulo – SP)
    - MudeMoreira (Novo Hamburgo – RS)
    - Mult Mudanças (Campo Grande – MS)
    - Nacional Mudanças (São Paulo)
    - NBS Transportes (Recife – PE)
    - NCA Mudanças (Campo Grande - MS)
    - NorteCom (Manaus – AM)
    - Primieri/ Sul Brasil (Caxias do Sul – RS)
    - Princesa do Mar (Belém – PA)
    - Rayane (Resende – RJ)
    - Regional (Curitiba – PR)
    - Rizzon (Santa Maria – RS)
    - Sandra Ramos (Resende – RJ)
    - Só Brasil (Rio de Janeiro – RJ)
    - Solick
    - Status (Rio de Janeiro – RJ)
    - Strack Mudanças (Novo Hamburgo – RS)
    - Tip Top Transportes (Rio de Janeiro – RJ)
    - Trans Ideal (Recife – PE)
    - Trans Martins (Belo Horizonte – MG)
    - Trans Nação
    - Trans Olé (Manaus – AM)
    - Trans Orion/ Mudanças Paraíso (Belo Horizonte – MG)
    - TransBem (Campo Grande – MS)
    - Transcouto
    - TransDias (São Bernardo do Campo – SP)
    - Tranfreitas (Manaus – AM)
    - Translog Moreira
    - Translíder (São José dos Campos – SP)
    - Transmetta (Corumbá – MS)
    - Transmoka (Santiago – RS)
    - Transpax (Brasília – DF)
    - Transpenha (São Paulo – SP)
    - Transpontual (Natal – RN)
    - TransRocha (Recife – PE)
    - TransVenâncio (Manaus – AM)
    - Transworld (Rio de Janeiro – RJ)
    - Triunfo (Campo Grande – MS)
    - Tucuruvi (São Paulo – SP)
    - Unidas Mudanças (Rio de Janeiro – RJ)
    - Via Brasil Mudanças (Porto Alegre – RS)
    - Viera Mudanças (Curitiba – PR)
    - VM Dias (Manaus – AM)
    - Zzapting (Rio de Janeiro – RJ)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde pessoal! Nos desculpem se tal iniciativa não é permitida, mas encontramos este grupo e gostaríamos de nos colocarmos à disposição de todos. Somos uma empresa de mudanças que está há 33 anos no mercado, localizada em Novo Hamburgo/RS. Atendemos diversos militares do estado em mudanças locais e interestaduais. Garantimos um processo de mudança tranquilo, seguro e com garantia! Temos colaboradores com mais de 15 anos de casa, montadores com vasta experiência, caminhões rastreados, cargas asseguradas, diversos materiais para embalagens, dentre outros detalhes que fazem toda a diferença na hora de mudar! Para maiores informações, basta nos enviar uma mensagem ou acessar: www.nramos.com.br Forte abraço!

      Excluir
  9. Boa tarde pessoal! Nos desculpem se tal iniciativa não é permitida, mas encontramos este blog e gostaríamos de nos colocarmos à disposição de todos. Somos uma empresa de mudanças que está há 33 anos no mercado, localizada em Novo Hamburgo/RS. Atendemos diversos militares do estado em mudanças locais e interestaduais. Garantimos um processo de mudança tranquilo, seguro e com garantia! Temos colaboradores com mais de 15 anos de casa, montadores com vasta experiência, caminhões rastreados, cargas asseguradas, diversos materiais para embalagens, dentre outros detalhes que fazem toda a diferença na hora de mudar! Para maiores informações, acesse: www.nramos.com.br Forte abraço!

    ResponderExcluir
  10. A lider Brasil Mudanças completou 60 anos de serviços bem prestados a todos os clientes inclusive militares.
    Cientes que transtornos como avarias, atrasos e coisas do tipo, eventualmente podem ocorrer, mas sempre que possível, sanamos nosso erro mais rápido possível.
    A reclamação de uma cliente esposa de militar não condiz com a verdade, levamos sua mudança de butiá/ RS para salvador/BA e tinha um fogão em péssimo estado e um galinheiro de tela que ela não ia levar, mas depois de entregue a mudança, a mesma solicitou que queria os bens que ficaram na propriedade com sua cunhada.
    Buscamos e entregamos em outra viagem, a cunhada ficou furiosa pois ela havia doado ambos itens. Mesmo assim ela reclamou do atraso, e postpu contra nossa empresa que sempre procurou fazer um trabaljo perfeito a preço justo.
    Estamos a disposição para qualquer esclarecimento .'.

    ResponderExcluir

O que achou da postagem?
Comente Aqui e não esqueça de se identificar!

(Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar que algo seja impróprio ou ilegal, denuncie para a administração.)

* AO COPIAR, DÊ OS CRÉDITOS DEVIDOS.